1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Sem votos)
Loading...

Feirão em Minas Gerais – O Dobro de Vendas em 2018

Esse ano muito tem se falado em crise e em queda nas vendas, mas mesmo com a recessão o Feirão da Caixa conseguiu surpreender a todos e as vendas superaram as expectativas. Confira como foi o Feirão da Caixa em Minas Gerais e aproveite para já começar a se preparar para o Feirão da Caixa do próximo ano.

Feirão Minas Gerais – O dobro de Venda

Mesmo com a recessão que estamos passando, esse ano o Feirão da Caixa em Minas Gerais surpreendeu, isso porque foram vendidas 2.817 imóveis, isso é mais do que o dobro de vendas do ano passado que teve uma venda de apenas 1.176 imóveis.

Feirão da Caixa 2016

Feirão da Caixa 2016

De acordo com Ronaldo Roggini, superintendente regional da Caixa Econômica Federal em Minas Gerais “Devido ao cenário econômico, tínhamos uma projeção mais conservadora, de repetir as vendas de 2015, mas as promoções das construtoras ajudaram muito a alavancar as vendas”.

Feirão Minas Gerais – Vendas de Imóveis

A venda foi superior graças as atitudes das empresas que eram responsáveis por realizar a venda, a grande maioria acabou arcando com os custos do Imposto de Transferência sobre bens Imóveis (ITBI) e também as taxas cartoriais de escritura e de registros.

Com isso é possível obter uma economia de até 5% dobre o valor do imóvel o que já contribuiu bastante para a venda ser superior. Além disso muitas empresas deram ainda outras opções de compra, por exemplo, a oportunidade de parcelar o valor da entrada.

Feirão Minas Gerais – Benefícios que ajudam Bastante

Essas vantagens foram muito importantes, pois quando o consumidor compara a prestação com o aluguel, vê que é mais vantajoso comprar do que alugar. No entanto, nem sempre tem em mãos o valor para a entrada e esses custos iniciais, que pesam muito”, afirmou Roggini.

Feirão Minas Gerais – Vendas em Relação a Última Edição

No geral foram vendidas 14% dos 19.800 imóveis que estavam sendo ofertados no Feirão da Casa Própria, pelo preço médio de R$173 mil. O valor subiu cerca de 5% em relação a média da edição do ano passado, segundo Roggini “O aumento foi um realinhamento de preços mesmo, pela inflação”.

Em 2015 foi gerado com o Feirão da Caixa R$195 milhões, na edição de 2016 esse valor subiu 150%, no total foram vendidos R$489 milhões.

Dos 300 imóveis abjudicados, 4 foram vendidos pelo preço médio de R$141 mil, o preço ficou 20% abaixo do valor do mercado que avaliou as unidades em R$176 mil.

Feirão da Caixa

Feirão da Caixa (Imagem: Divulgação)

Feirão Minas Gerais – Número maior de Participantes

Outro ponto que ajudou bastante no aumento das vendas foi o número de interessados em comprar um imóvel novo. De acordo com a Caixa Econômica Federal, mais de 600 pessoas se inscreveram e por isso a venda foi maior.

Caixa Econômica Federal – Habitação

Vale lembrar que as mesmas condições de financiamento que foram oferecidas no feirão ainda continuam iguais nas agências da Caixa Econômica, é possível acessar o site através do link http://www8.caixa.gov.br/ e fazer uma simulação de compra de imóvel.

Recomendados para você: